Advogado e estagiário de Direito são presos por acesso clandestino de informações sigilosas

0
56

Prisão é resultado da Operação Spy, deflagrada pelo Departamento de Repressão ao Crime Organizado, nesta segunda-feira (15)

Manaus – Na manhã desta segunda-feira (15), o Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) deflagrou a Operação Spy, que resultou na prisão de um advogado e um estagiário de Direito, por acessarem de forma clandestina informações sigilosas.

Segundo o delegado titular do DRCO, Rafael Allemand, o advogado e o estagiário tinham acesso à informações de processos e operações em andamento da própria Polícia Civil. As informações obtidas eram vendidas a alvos das investigações.

“Eles acessavam de forma clandestina esses processos e pegavam informações que estavam com sigilo judicial, identificavam os alvos dessas operações, entravam em contato com eles e depois passavam todo o andar das investigações. Nós temos materializados nesse procedimento investigativo que um dos alvos pagou, apenas por uma informação, R$ 40 mil”, explicou o delegado.

“Eles acessavam de forma clandestina esses processos e pegavam informações que estavam com sigilo judicial, identificavam os alvos dessas operações, entravam em contato com eles e depois passavam todo o andar das investigações. Nós temos materializados nesse procedimento investigativo que um dos alvos pagou, apenas por uma informação, R$ 40 mil”, explicou o delegado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui