Passeata a favor da vida alerta para prevenção do suicídio.

0
68

Dezenas de pessoas se reuniram na Ponte Rio Negro, na manhã deste sábado (31), para apoiar a causa.

“Basta automutilação, depressão e suicídio”. Esse foi o mote da mobilização em prol da vida realizada na manhã deste sábado (31), na Ponte Jornalista Phelipe Daou, mais conhecida como Ponte Rio Negro, na Zona Oeste de Manaus. A ação marca o início do Setembro Amarelo, campanha brasileira de prevenção ao suicídio, iniciada em 2015.

A ideia é chamar a atenção dos manauaras para os altos índices de suicídio que tem ocorrido na capital, promover a conscientização e prevenção de maneira a destacar a importância da vida.

O movimento foi uma iniciativa de associações, parlamentares da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) e também da sociedade civil.

“Infelizmente, as pessoas acham que tirando a própria vida resolverão os seus problemas. As causas são várias, como problemas amorosos, pela depressão e com esse movimento, nós temos conseguido recuperar jovens que tentaram contra a sua própria vida. Esse é o momento de mostrar as pessoas a importância da vida”, destacou o pastor Edilson Campos, coordenador do movimento Força Jovem Universal.

Outras mobilizações voltadas ao suicídio estão marcadas para acontecer na cidade como neste domingo (1º) de setembro, também na Ponte Rio Negro. “Demos o ponta pé inicial aqui mas a ideia é levar a mensagem para toda a cidade. Esse assunto precisa ser discutido e acontece em todas as faixas etárias. As pessoas ainda se sentem retraídas para falar desse assunto o que precisa ser aflorado”, disse o deputado estadual, João Luiz, idealizador do evento deste sábado.

De janeiro a abril deste ano, pelo menos 30 suicídios foram registrados pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

Fonte: portal acrítica

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui