Lula se reúne com empresários sauditas, no segundo dia da agenda internacional pelo Oriente Médio

Presidente está em Riade, na capital da Arábia Saudita, onde também participará de seminário da Embraer.

0
25

BRASIL – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua sua agenda internacional no Oriente Médio, buscando fortalecer laços e atrair investimentos para o Brasil. Nesta quarta-feira (29), Lula teve um encontro matinal com empresários sauditas no Hotel Ritz-Carlton, em Riade, capital da Arábia Saudita.

O compromisso, marcado para às 6h30 (horário de Brasília), foi uma oportunidade para o presidente discutir oportunidades de investimentos e parcerias com representantes do setor empresarial saudita. Essa reunião faz parte da primeira viagem internacional de Lula desde que passou por um procedimento cirúrgico.

Além do encontro com empresários, Lula participará de um seminário no mesmo local, a partir das 8h30 (horário de Brasília). Durante o seminário, serão apresentados produtos da Embraer, empresa brasileira de fabricação de aeronaves, e da Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos (ApexBrasil) aos empresários estrangeiros presentes.

Ontem (27), o presidente se reuniu com o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammad bin Salman, no Palácio Real Al Yamamah. Além do fortalecimento das relações bilaterais, foram discutidos temas como o investimento de US$10 bilhões que o Fundo Soberano Saudita planeja aplicar no Brasil nos próximos sete anos, com US$9 bilhões destinados a projetos nos setores de energia limpa, hidrogênio verde, defesa, ciência e tecnologia, agropecuária e infraestrutura ligada ao Novo PAC.

A agenda do presidente também inclui uma partida para Doha, capital do Catar, ainda nesta quarta-feira, com embarque previsto para 10h (horário de Brasília). Durante a viagem, temas como a revisão do acordo entre o Mercosul e a União Europeia e a situação entre Israel e o grupo Hamas devem ser abordados, reforçando o objetivo de atrair investimentos estrangeiros e fortalecer a posição do Brasil no cenário internacional.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui