Elefante mata uma idosa na Índia e retorna para pisotear e esmagar o corpo durante o funeral e ainda chamou manada para destruir o vilarejo inteiro da mulher.

0
30

MUNDO – Pessoas em todo o mundo se chocaram com a notícia de um elefante que matou uma idosa na Índia e retornou para pisotear o corpo dela durante o funeral. A imprensa indiana, contudo, revelou ainda mais detalhes surpreendentes sobre o ocorrido. De acordo com os jornais OpIndia e Kanak News, o animal selvagem esperou ao lado do corpo da vítima por cerca de uma hora, depois de atacá-la brutalmente na cerimônia fúnebre. Em seguida, ele teria emitido um som convocando sua manada a destruir o vilarejo da vítima.

A sequência de tragédias teve início no dia 10 de junho quando, uma idosa chamada Maya Murmu foi atacada pelo elefante em questão em uma floresta no vilarejo de Raipal. Ela foi levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Durante a cerimônia de despedida à idosa, o elefante foi até o local e atacou o corpo sobre a pira funerária. As pessoas presentes precisaram correr para se salvarem.

Testemunhas relatam que o animal atirou o corpo da senhora ao chão e destruiu o cadáver, fazendo com que os intestinos saltassem para fora do corpo.

Posteriormente, o elefante teria ficado uma hora ao lado do corpo, antes de chamar outros membros da manada e atacado o vilarejo da idosa.

A casa da mulher ficou destruída e até suas cabras foram dizimadas. Outras residências da vila também foram atacadas, e o alimento do vilarejo foi comido pelos animais selvagens. Uma testemunha diz ter passado toda a noite no topo de uma árvore para se salvar dos elefantes.

Casos de conflito entre animais da espécie e humanos têm se tornado mais recorrentes no local desde o avanço da indústria na região. No ano passado, 42 elefantes morreram por causas não naturais na área, conforme o jornal Independent. O governo indiano aponta que 100 pessoas são mortas por elefantes no país a cada ano.

Artigo anteriorVídeo: homem é preso após atropelar e matar motorista de ambulância no Centro de Manaus.
Próximo artigoJovem é executado à tiros enquanto dirigia moto em Iranduba.
Sócia-proprietária do Jornal NP AM e Editora-chefe da redação desde 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui